9 receitas de poke perfeitas para uma refeição havaiana

Escrito por                          

O poke é um prato de origem havaiana, muito comum como alimento pós-praia. Tendo como principal ingrediente o peixe cru, é uma opção leve, saborosa e nutritiva para os dias quentes de verão, que também são muito comuns aqui no Brasil.

Continua após o anúncio

Além de peixe cru, pode-se usar arroz como base para o prato, que também leva frutas, legumes e molhos. O que vale é apostar em ingredientes que combinem entre si e que agradem ao seu paladar. Como resultado, você terá um prato delicioso para saborear.

Prático de ser feito, o poke pode ser servido em diversas ocasiões e ainda agradar os mais variados paladares. Se você quer conferir algumas dicas de combinações para testar, basta ver a lista abaixo:

1. Poke de salmão

Para testar essa receita em casa, é preciso cortar o salmão em cubos e misturá-lo com cebola, cebolinha, gergelim, óleo de gergelim e abacate por cima de tudo. Essa mistura deve ser servida sobre um arroz integral já cozido.

2. Poke de salmão simples

Nessa receita, cubos de salmão são combinados com cenoura, cebolinha, pepino e cebola roxa, já o tempero fica por conta de raiz forte. Essa mistura deve ser colocada em um bowl e coberta com gergelim. Para um toque extra de sabor, a dica é servir o prato acompanhado de shoyu.

3. Poke de atum com arroz japonês

Essa é uma opção para quem quer dar uma cara oriental ao prato havaiano, já que o gohan – arroz japonês -, é usado para cobrir o fundo do bowl. Sob o arroz entra em cena sunomono, atum bem temperadinho com shoyu, gergelim, cebola roxa e cebolinha. Na hora de servir, acrescente fatias de abacate e fatias de tomatinho-cereja.

Continua após o anúncio

4. Poke de salmão colorido

Para testar essa receita em casa, primeiro é preciso fazer um molho com shoyu, óleo de gergelim, wasabi, suco de limão e gengibre. Depois, corte o peixe e os legumes e monte o prato. Uma dica importantíssima é não deixar o peixe marinando no molho, pois o poke deve ser servido o mais fresco possível.

5. Poke de atum

Nessa receita, o fundo do bowl é montado com macarrão de arroz, que, depois, é coberto por pedaços de atum, cebola, abacate, pepino, molho a base de shoyu, nori, cebolinha e sementes de gergelim. Essa é uma opção bem leve e refrescante, mas que mata a fome!

6. Poke prático

Nessa receita, você confere dicas práticas de como montar um self service de poke, por isso, você confere ingredientes diferentes que podem ser usados para a base, assim como para os complementos do prato.

7. Poke de salmão e abacate

Usar o arroz japonês para a base do prato pode ser uma boa pedida para quem quer um poke de bastante sustância e com gostinho de sushi. Aqui, a cobertura fica por conta de salmão misturado com avocado, molho de soja, açúcar, pimenta calabresa, limão, cebola roxa, cebolinha e gengibre. Além disso, a dica é usar coentro fresco picado para a decoração.

Continua após o anúncio

8. Poke árabe

Que tal dar um toque árabe para um prato havaiano? Aqui, a base é feita com macarrão cabelo de anjo combinado com vários temperos. Para o recheio, o robalo entra em cena com temperos usados tipicamente na culinária árabe.

9. Ahi-poke

O ahi-poke leva atum, óleo de gergelim, alga, macadâmia, cebolinha, shoyu e sal. Essa mistura é usada para cobrir um arroz japonês já cozido, mas feito sem tempero, pois o molho do peixe já conta com um sabor bem marcante.

O poke além de ser um prato bem gostoso, pode ficar com uma aparência linda se você tiver esse cuidado durante a montagem. Para melhorar ainda mais, é nutritivo e conta com um passo a passo bem simples. Se você adora peixe cru, pode conferir também receitas de ceviche, temaki e sushi para testar em casa.

PARA VOCÊ