11 receitas de fígado de galinha para fugir das carnes convencionais

Escrito por                          

O fígado de galinha é um miúdo que pode ser utilizado para compor uma infinidade de pratos. A carne pode ser incrementada com cebola, vegetais e até macarrão. É uma ótima pedida para quem gosta de desperdício zero. Confira uma seleção imperdível de receitas:

1. Fígado de galinha cozido

Esse fígado é cozido em água com temperos e cebola refogada no azeite. Para não ficar seco, a dica é servir com um pouco do caldo. A finalização deve ser feita com cheiro-verde picado. O resultado é um prato de sabor e textura inconfundíveis!

2. Fígado de galinha acebolado

Aqui, o fígado de galinha aparece em uma versão bem fritinha e deliciosa. O segredo do tempero é deixar o miúdo “curtir” por meia hora antes de levar ao fogo. A cebola fica bem caramelizada, já que é frita na mesma frigideira que a carne. A sugestão é servir com salsinha ou manjericão por cima.

3. Fígado de galinha à grega

Nessa opção de fígado à grega você vai adicionar pimentões vermelho e verde, além do tomate, ao preparo. Um outro diferencial da receita é o uso do vinho branco no cozimento, que dá um sabor todo especial para o prato.

4. Fígado de galinha ao molho

Essa receita traz uma espécie de ensopado de fígado. O miúdo é temperado e levado para cozinhar com azeite, água, pimentões coloridos, extrato de tomate, cebola e tomate. Para finalizar, a dica é acrescentar cheiro-verde picado.

5. Fígado de galinha ao molho com legumes

Os vegetais utilizados pra compor o molho no qual o fígado dessa receita é cozido são tomate, cenoura, pimentão verde e batata. O miúdo já temperado é adicionado na mistura fervente e, por último, deve-se acrescentar cebola picada.

6. Fígado de frango com polenta

O diferencial do tempero desse fígado são as raspas de casca de limão. A carne é batida no mixer para virar um patê. Para servir com o miúdo, você deve preparar uma polenta bem prática. Os ingredientes usados são farinha de milho e caldo de frango.

7. Patê de fígado de galinha

Os ingredientes especiais desse patê de fígado são as nozes e o vinho do Porto. O miúdo precisa ficar de molho no leite por pelo menos 12 horas antes do preparo. Para harmonizar, a dica é servir com geleias de fruta ou de pimenta.

8. Fígado de galinha ao forno

Para essa receita você precisa temperar o miúdo e levar para o forno com azeite, sal marinho e uma bebida destilada. O fígado deve ser assado por mais ou menos meia hora. Uma dica é cobrir a assadeira com papel alumínio, para ficar mais fácil pra limpar depois.

9. Fígado de galinha flambado

Essa versão é uma boa pedida de fígado para servir como aperitivo. A banha de porco é utilizada para fritar o miúdo, que é preparado com cebola, pimentões, coentro e tempero. Para flambar, você vai usar um cálice de cachaça envelhecida.

10. Fígado de galinha na cebola dourada

Nessa receita o fígado é temperado com alho, sal, molho de pimenta e óleo composto. Para o preparo, você só precisar refogar a cebola na frigideira, adicionar a carne e, por último, mais um pouco de cebola.

11. Espaguete com fígado de galinha

Aqui, o fígado é refogado até dourar com alho, cebola e vinagre balsâmico. Depois, a massa já cozida é adicionada e a sugestão é que o prato seja servido com queijo ralado. O resultado é uma massa que vai ter deixar com gostinho de quero mais!

O fígado de galinha é uma carne que funciona bem para servir como aperitivo e também acompanhamento. Além disso, o preparo pode ser usado para compor outros pratos e incrementado com ingredientes e temperos especiais. Veja também receitas de coração de galinha e galinha caipira!

PARA VOCÊ