76 receitas de comidas italianas para você viajar na cozinha

Escrito por Vanessa Herrmann

A culinária da Itália faz sucesso ao redor do mundo todo e isso não é à toa. Além de deliciosas pizzas, lasanhas e macarrões, é bem fácil encontrar outras boas receitas de comidas italianas. Você pode escolher desde o petisco, entrada, prato principal e até mesmo sobremesa. As opções são para todos os gostos.

Para fazer com maestria essas delícias, você pode conferir a lista abaixo. Ela conta com 76 opções que vão te querer correr para a cozinha agora mesmo.

Entradas e petiscos italianos

1. Arancini de bacalhau: já ouviu falar do arancini? Ele é um bolinho que lembra o nosso de arroz, mas feito com risoto. Aqui, o primeiro passo é preparar um risoto de bacalhau, que deve descansar de um dia para o outro na geladeira. Depois, é só moldar, empanar com farinha de rosca e fritar em óleo quente.

2. Arancini de parmesão: acha que fazer um risoto de bacalhau dá muito trabalho? Então, teste essa versão em que o parmesão é a estrela do prato. Simples, essa é uma aposta que pode conquistar o paladar de qualquer um.

3. Polenta frita: sabe aquela polenta crocante por fora e macia por dentro? Dá água na boca só de imaginar, não é mesmo? Nessa receita, é isso que você aprende a fazer. Para obter esse resultado, só é preciso ter em mãos farinha de milho, manteiga, queijo parmesão ralado, sal e óleo para fritar.

4. Salada caprese: a salada caprese é um clássico que você precisa experimentar. Ela é feita com tomate, mussarela de búfala, manjericão, azeite, sal e pimenta-do-reino. Para melhorar ainda mais, aqui, você confere uma montagem bem charmosa. Assim, já dá vontade de comer com os olhos.

5. Antepasto de berinjela: quer preparar um antepasto de berinjela tradicional? Então, fique ligado nessa opção. Aqui, o legume não é cozido de maneira tradicional, mas sim, em vinagre. Isso faz com que o tempo de espera seja de 2 dias. Mas o sabor é tão fresquinho, marcante e delicioso, que vale a pena testar em casa.

6. Crostini de cogumelos: surpreender com um prato diferente é sempre uma delícia. Aqui, você deve usar como base fatias de pão ciabatta. Já a cobertura, fica por conta delicioso creme de cogumelos. Leve, simples de ser feita e gostosa, não há motivos para não experimentar essa receita. Confira o passo a passo detalhado.

7. Bruschetta de cogumelo e parmesão: imagine fatias de pão italiano cobertas com cogumelos cremosos e parmesão. É isso que essa receita ensina a fazer. O passo a passo simples e a lista de ingredientes curtinha. Assim, você terá mais tempo para aproveitar cada mordida.

8. Bruschetta de cogumelo e parmesão: aqui, há uma mescla de simplicidade e sofisticação na mesma receita. A sugestão é fazer um creme com cogumelos variados e uma cobertura com queijo parmesão. O resultado é um contraste de sabores e texturas divino.

9. Bruschetta de tomate: para testar essa receita em casa, só é preciso ter em mãos pão italiano, alho, tomatinho, manjericão, parmesão, azeite e pimenta-do-reino moída na hora. Mesmo com uma lista de ingredientes curtinha, o resultado surpreende pelo sabor incrível.

10. Carpaccio: fazer o próprio carpaccio pode ser uma tarefa difícil, mas não é. Uma dica muito importante é ter uma faca bem afiada e uma carne bem fresquinha e de boa qualidade. Tirando isso, o resto é bem simples. Além de aprender a fazer a carne, você confere o passo a passo de um molho.

Risotos

11. Risoto perfeito: o risoto não é um prato difícil de ser feito. Porém, alguns passos são imprescindíveis para um resultado de sucesso. Aqui, você confere todas as dicas para que sua refeição fique o mais deliciosa possível. Assim, você pode fazer o prato com maestria.

12. Risoto milanês: esse é um risoto cheio de cor e de sabor. Aqui, o prato é feito com arroz arbóreo, cebola, caldo de legumes, vinho branco seco, manteiga, açafrão da terra, queijo parmesão e sal. O açafrão é um ingrediente com gostinho marcante e que deixa o arroz bem amarelinho.

13. Risoto de bacon, alho-poró e ervilha: já pensou em combinar arroz arbóreo, bacon, alho-poró e ervilha no mesmo prato? O resultado fica tão bom, que você vai querer repetir sempre. Além disso, essa é uma opção que não dá quase nada de trabalho.

14. Risoto de limão e tomate: feito com ingredientes simples, esse risoto não deixa a desejar pelo sabor. Seu gostinho fica por conta da combinação de limão, tomate e manjericão. Além desses itens, você também precisa ter em mãos arroz arbóreo, alho, azeite, vinagre balsâmico, manteiga, cebola e caldo de legumes.

15. Risoto de pera e gorgonzola: quer inovar no sabor do seu risoto? Para isso, vale investir em uma combinação de pera com gorgonzola. A fruta conta com um sabor suave e ao mesmo tempo adocicado. Enquanto isso, o queijo é bem marcante. O contraste fica incrível, pode apostar.

16. Risoto de brócolis e parmesão: o risoto não precisa ser um prato muito pesado. Para que ele seja mais leve, a proposta dessa receita é deixar a manteiga de fora. Ele é feito apenas com arroz arbóreo, brócolis, parmesão, caldo de galinha, azeite e folhas de manjericão.

17. Risoto de palmito e tomate seco: outra combinação simples, porém deliciosa, é a de palmito com tomate seco. Esses não são ingredientes que requerem um preparo. Isso faz com que o seu tempo na cozinha seja mais curto. Mesmo assim, não dá pra resistir à delícia que é esse prato.

18. Risoto de frango com abobrinha: esse é um risoto que foge do comum: ele é feito com arroz integral. É lógico que a cremosidade não é igual a do tradicional. Porém, para quem quer evitar calorias, vale a pena apostar. Sem contar que o recheio de frango com abobrinha é megasaudável.

19. Risoto de mignon e shitake: quer caprichar na refeição? Usar mignon e shitake pode ser uma ótima opção para um prato especial. O sabor fica marcante e pode conquistar os mais variados paladares. Tudo isso sem ter muito trabalho na cozinha. Confira o passo a passo detalhado.

20. Risoto de aspargos e parma: essa é uma receita imperdível. O risoto de aspargos com presunto parma é sofisticado, mas nem por isso é difícil de ser feito. Ele conta com um sabor marcante e pode surpreender qualquer um. Que tal correr para a cozinha testar?

21. Risoto de shimeji e alho-poró: para fechar as opções de risoto, uma opção vegetariana. Risoto com shimeji já é bom, mas com alho-poró fica melhor ainda. Para quem deseja que o prato não fique tão pesado, essa é uma excelente aposta. Além disso, a lista de ingredientes é bem curtinha.

Lasanha

22. Lasanha de pupunha e cogumelos: quer se deliciar com uma lasanha, mas acha o prato muito gordinho? Aqui, a massa é deixada de lado e dá lugar para fatias de pupunha. Para o recheio, você ainda aprende a fazer um delicioso molho de tomate, cogumelo, alho-poró e outros temperos. Essa é uma ótima escolha para os veganos e vegetarianos.

23. Lasanha à bolonhesa: um clássico, é difícil encontrar alguém que não goste de uma boa lasanha à bolonhesa. Para que o processo seja mais simples, é importante comprar uma massa que possa ir direto ao forno. Além disso, o preparo consiste apenas em preparar o molho e fazer a montagem. Além do molho e da massa, as camadas também são intercaladas com presunto e mussarela.

24. Lasanha à bolonhesa com béchamel: quer sair um pouco do comum? Então, vale a pena apostar nessa receita que conta com dois molhos: bolonhesa e bechamel. A dica dessa opção é cobrir o fundo do refratário com molho antes de qualquer coisa. Assim, a massa não gruda.

25. Lasanha de micro-ondas: sabe aquele dia que bate uma vontade de comer uma lasanha, mas você está sozinho em casa? Com essa receita, não será preciso recorrer às versões congeladas. O preparo é feito no micro-ondas, o que é bem prático. Além disso, as medidas são para uma porção individual.

26. Lasanha integral de brócolis: essa é outra opção de lasanha que não leva ingredientes de origem animal. A massa é integral. Já o recheio leva molho branco, brócolis e um tofu bem temperadinho. O resultado é tão gostoso, que será difícil sobrar algum pedaço.

27. Lasanha quatro queijos: massa de lasanha, mussarela, queijo prato, provolone, cheddar e molho bechamel compõem essa receita. Dá água na boca só de imaginar, não é mesmo? Para melhorar ainda mais, só é preciso se preocupar com o preparo do molho, a montagem e não deixar o prato queimar no forno. Simplesmente deliciosa.

28. Lasanha de palmito: tem como resistir a deliciosas camadas de molho, massa, recheio e queijo? Difícil, né? Aqui, o recheio fica por conta do palmito, mas não é só isso. Molho branco e vermelho fazem parte da lasanha. O preparo não é dos mais complicados e rende uma refeição que dá vontade de comer só de olhar.

29. Lasanha de frigideira: tem muita gente que acha lasanha um prato muito complicado e demorado de ser feito. Pensando nisso, vale a pena experimentar essa versão de frigideira. Assim, seu tempo na cozinha será mais curto. Então, sobrará mais tempo para se esbaldar com cada garfada.

30. Lasanha vegetariana: uma lasanha vegetariana não precisa ser sem graça e essa receita é a prova disso. A dica aqui é usar legumes e preparar um molho pesto bem caprichado. O sabor do manjericão é intenso e contrasta muito bem com a massa.

31. Lasanha de frango: preparar um recheio de frango faz com que seu prato fique bem completo. Ideal para uma refeição de prato único e bem caprichada. Com uma lista de ingredientes simples, basta se organizar bem que não será difícil testar essa opção.

Nhoque

32. Nhoque de batata doce: preparar um nhoque mais leve pode ser uma boa alternativa. Para isso, uma sugestão é deixar a batata inglesa de lado e usar a versão doce do legume. Para que sua refeição fique ainda mais gostosa, a dica é servir a massa com um molho de carne assada.

33. Nhoque com sálvia e manteiga: sem muita frescura, essa é uma receita que não leva molho. Depois que a massa estiver pronta e cozida, você deve colocá-la em uma frigideira com sálvia e manteiga. O resultado é uma casquinha crocante, um interior macio e um sabor aromatizado.

34. Nhoque com mascarpone e presunto parma: essa receita é um pecado. Aqui, a massa de nhoque é coberta por um molho feito com mascarpone bem cremoso e presunto parma. Poucos ingredientes e um resultado sensacional é o que te espera.

35. Nhoque ao sugo: essa não é uma simples receita de nhoque ao sugo. Ela também leva minipolvo e botarga. Se você procura por um prato sofisticado, vale a pena conferir essa opção. A massa é feita com batata asterix, gema de ovo, queijo ralado, farinha de trigo, sal, noz-moscada e azeite. O molho leva tomate, azeite, cebola, alho, manjericão e minipolvo. Para a finalização, use botarga.

36. Nhoque ao molho vermelho: básica e irresistível são as características que definem essa receita. A massa tem como principal ingrediente a batata, já o molho, tomate. Mesmo sendo uma opção simples, o sabor fica simplesmente delicioso. Se você quer uma receita certeira, pode ter acabado de encontrá-la.

37. Nhoque de batata asterix: quer uma receita bem simples de nhoque para chamar de sua? Então, anote o que você vai precisar: batata asterix, farinha de trigo, gemas de ovo, farinha de semolina, sal, pimenta-do-reino e azeite. Além disso, você confere dicas para uma massa perfeita e que não fica muito pesada.

38. Nhoque recheado: achou as receitas anteriores muito básicas? Então, que tal rechear o seu nhoque? Aqui, a mussarela de búfala é usada para esse propósito, mas você pode usar outros itens de sua preferência. Para aprender a fazer certinho essa opção, é só conferir o passo a passo completo.

39. Nhoque ao molho branco: praticidade é o sinônimo dessa opção. Aqui, a sugestão é comprar a massa pronta. Depois de cozida, coloque-a em um refratário, cubra com molho branco caseiro e queijo mussarela ralado. Por último, é só levar para assar e esperar até que se forme uma casquinha crocante.

40. Nhoque ao molho de queijo: já pensou em usar a mandioca salsa e a batata doce para a massa do seu nhoque? Essa é a proposta dessa receita. Para completar, molho de queijo e bacon são usados para um resultado simplesmente surpreendente.

Macarrão

41. Macarrão à carbonara: o macarrão à carbonara é sinônimo de praticidade. Ele é feito apenas com massa, ovos, queijo pecorino, parmesão ou grana, pimenta-do-reino e panceta ou bacon de boa qualidade. Do mesmo jeito que a lista de ingredientes é curta, o passo a passo é simples.

42. Macarrão alho e óleo: essa é outra ótima opção para quem quer passar pouco tempo na cozinha. Além disso, esse é um tipo de receita que agrada os mais variados paladares. Então, que tal testar em casa? Vale muito a pena, pode apostar.

43. Macarrão à putanesca: para testar essa receita em casa, você vai precisar de macarrão longo, tomates italianos, alcaparras, azeitonas pretas, alho, azeite, pimenta-do-reino e sal. Poucos ingredientes, um preparo simples e um sabor delicioso.

44. Macarrão com molho pesto: já preparou um molho pesto caseiro? Aqui, ele é feito com manjericão, alho, amêndoas, azeite, queijo parmesão e sal. Além desses ingredientes, você vai precisar apenas do macarrão para testar essa receita. O resultado é saboroso e ao mesmo tempo refrescante.

45. Macarrão com sardinha: macarrão com sardinha é uma boa opção para quando bate aquela fome, certo? Aqui, você confere dicas para que o prato fique incrível. Para isso, você vai precisar apenas de macarrão, sardinha, molho de tomate, milho e sal.

46. Espaguete à matriciana: essa é uma receita que conta com um sabor marcante e faz uso de poucos ingredientes. O molho é feito a partir de uma combinação de cebola, bacon, tomate, alho e pimenta. Uma dica: se você não gosta de pratos apimentados, deixe essa opção de lado, pois o gostinho picante é a principal característica dessa receita.

47. Espaguete com botarga: espaguete, farinha de rosca, cebola, raspas de limão siciliano, botarga, azeite, sal e pimenta são os ingredientes usados aqui. Botarga, se você não conhece, são ovas de peixe salgadas e desidratadas. Aqui no Brasil, é mais fácil encontrar a de tainha.

Pizza

48. Pizza de calabresa e abobrinha com alho: aqui, não é só uma massa de pizza tipicamente italiana que você aprende a preparar. Também é possível conferir como fazer dois recheios diferentes: um de calabresa e outro de abobrinha com alho.

48. Massa de pizza: nessa receita, você aprende a preparar uma massa de pizza usando farinha de trigo, gema de ovo, água, sal, óleo e fermento seco. O passo a passo é simples, mas é preciso seguir uma ordem exata para misturar os ingredientes. Confira.

50. Pizza marguerita: esse é um clássico da culinária italiana. Aqui, não é só a massa que você aprende a fazer. Mas também um molho com tomate, azeite, sal, orégano, mussarela e manjericão. Simples, mas deliciosamente incrível.

51. Pizza napolitana: esse é outro recheio bem tradicional. Ele é feito com polpa de tomate, orégano, filetes de anchova, azeitonas pretas, alcaparras e queijo mussarela. Ah, também dá pra conferir o passo a passo da massa, viu?

52. Pizza caprese: bem caprichada, essa pizza pode te conquistar. O recheio leva molho de tomate, mussarela, tomate, manjericão, mussarela de búfala e um pesto de azeitonas pretas. O sabor fica marcante e pode te conquistar.

53. Pizza de tomate e cogumelo: combinar molho de tomate, cogumelo e queijo mussarela em uma pizza é uma delícia, certo? Além disso, o passo a passo não é nada complicado. Se você busca praticidade, vale a pena apostar nessa opção.

Polenta

54. Polenta com ragu e cogumelo: essa é uma receita mega especial. Ela conta com o uso tanto de cogumelo, quanto do ragú. Esse último, tem como principal ingrediente a alcatra. Mesmo sendo uma opção tão gostosa, o preparo é fácil fácil. Que tal testar em casa?

55. Polenta com ragu de calabresa: gostou da ideia de servir a polenta com ragu, mas quer uma opção mais simples do que a anterior? Aqui, a receita conta com uma lista de ingredientes mais curta. Por isso, seu preparo também é mais fácil. Mesmo assim, o sabor fica muito bom.

56. Polenta com ragu de carne: essa é outra opção para quem quer servir a polenta com ragu. Aqui, ele é feito com coxão duro na panela de pressão. O resultado é uma carne que desfia bem suculenta. Ideal para ser servida com uma polenta bem cremosa.

57. Polenta com carne e gorgonzola: polenta nem sempre precisa ser um prato simples. Aqui, você aprende a fazer uma versão com uma cara mais sofisticada. A polenta cremosa é coberta por alcatra e um creme feito com gorgonzola e creme de leite. Confira.

58. Polenta com costelinha de porco: polenta e costelinha de porco combinam? E muito! Essa é uma receita extremamente fácil de ser feita. Mesmo assim, pode ser servida tranquilamente naquele dia que pede uma refeição especial. Para melhorar ainda mais, a lista de ingredientes não é extensa.

59. Polenta com frango: com cara de comida de vó, essa receita pode agradar os mais variados paladares. Aqui, a polenta cremosa é coberta por um frango desfiado ao molho vermelho. O passo a passo é simples, mas não tem como resistir a essa delícia.

60. Polenta com ragu de cogumelo: que tal preprar uma receita de polenta vegana caprichada? Aqui, a sugestão é preparar um ragu de cogumelo. Para que o prato fique ainda mais gostoso, há um toque especial: chips de polenta para cobrir o prato.

61. Polenta com ovo e cogumelo: essa opção é ideal para aquele dia que bate uma preguiça de cozinhar. Você aprende a preparar uma polenta cremosa, que é coberta por ovo, cogumelo e uma fonduta de grana padano. Simples e sofisticada ao mesmo tempo.

Pratos variados

62. Capeletti in brodo: para os dias frios, nada mais gostoso do que um prato bem quentinho, não é mesmo? Se for uma massa acompanhada de caldo, melhor ainda! Aqui, a sugestão é comprar o capeletti pronto, o que faz com que o modo de preparo seja simples e rápido.

63. Pappa ao pomodoro e tortelli: nessa receita, você confere como preparar um pappa ao pomodoro, que é uma sopa de tomate. Ela pode ser servida como entrada. Para o prato principal, você confere como fazer tortelli com massa caseira.

64. Ossobuco braseado: nessa receita, a carne é braseada em vinho tinto. Isso quer dizer que ela é cozida em fogo baixo por um longo período de tempo. Para incrementar seu sabor, ervas aromáticas e caldo também entram em cena. O preparo não é dos mais rápidos, mas é bem fácil de ser executado. Além disso, o sabor é incrível. Vale a pena testar.

65. Ossobuco ao molho de tomate: essa é uma receita feita na panela de pressão. O que faz com que seu tempo de preparo não seja tão longo. Quando a panela pegar pressão, é preciso esperar por uma hora. Anote o que você vai precisar: ossobuco, cebola, alho, cenoura, vinho tinto, molho de tomate, azeite de oliva, sal e pimenta.

66. Pão italiano: sabe aquele pão quentinho, recém-saído do forno, que você passa manteiga e ela derrete? Que tal preparar uma versão italiana em casa? A casca fica durinha e o interior conta com furos. Uma coisa legal dessa receita é que a massa não precisa ser sovada. Então, não tem desculpa para não testar em casa.

67. Ciabatta: o pão ciabatta é ideal para montar um sanduíche bem caprichado. Ele é feito com farinha de trigo, azeite, água, fermento biológico, sal e açúcar. Além de poucos itens, você também aprende a congelar a massa. Assim, quando der vontade de comer, é só levar ao forno para assar.

68. Alcachofra: gosta de alcachofra, mas não sabe como prepará-la? Essa receita ensina uma maneira bem simples. Ela é refogada apenas com cebola, tomate e alho, salsinha, cebolinha, sal e azeite. Além disso, você confere como lavá-la e cortá-la.

Sobremesas italianas

69. Pannacotta sem lactose: nessa receita, a pannacotta é feita com leite de coco, açúcar, gelatina e fava ou extrato de baunilha. Para incrementar seu sabor, é feita uma calda com framboesa e açúcar ou adoçante de forno. A sobremesa leva poucos ingredientes, mas seu sabor é imenso, pode apostar.

70. Pannacotta com damasco: mais docinha do que a opção anterior, essa pannacotta também conta com leite condensado. Além disso, ela é coberta com uma calda de damasco e especiarias. Para quem gosta de um sabor único, vale a pena experimentar.

71. Tiramisu: creme de mascarpone ou nata, biscoito champagne, café e chocolate em pó compõem essa receita. A crocância e a cremosidade são mescladas em uma mesma garfada. Além disso, essa é uma ótima sobremesa para quem não curte pratos extremamente adocicados. E aí, ficou com vontade de experimentar. É só checar o passo a passo completo.

72. Zabaione: já ouviu falar no zabaione? Ele é um creme feito com gemas, açúcar e vinho marsala. Ele pode ser consumido sozinho ou até mesmo ser usado para acompanhar outros doces, como tortas e bolos. Para o preparo, primeiro, é preciso bater em uma batedeira as gemas e o açúcar. Quando a mistura dobrar de tamanho, adicione o vinho. Para finalizar, é preciso levar o creme ao fogo em banho-maria.

73. Cannoli siciliano: em formato de tubo, o cannoli é uma massa frita. Aqui, é recheado com creme de ricota, raspas de laranja, gotas de chocolate, açúcar e baunilha. O resultado: uma casquinha crocante e um recheio para lá de cremoso. Simplesmente irresistível.

74. Granita de melão: quer se refrescar nos dias de verão com uma sobremesa simples? A granita é tipo uma versão italiana da nossa raspadinha. Aqui, ela é feita apenas com suco de limão, leite condensado e melão. O preparo consiste em bater todos os ingredientes no liquidificador. Depois, é necessário deixar o creme descansando na geladeira por 8 horas. Para finalizar, raspe todo o doce com um garfo até formar cristais de gelo.

75. Salame de chocolate: aparência de salame, sabor de chocolate. Essa é a descrição simplificada desse doce. Com um passo a passo simples e que leva apenas 15 minutos, difícil mesmo vai ser resistir a essa delícia. O primeiro passo é derreter chocolate no micro-ondas, acrescentar manteiga, bolachas trituradas e moldar a massa. Voilà! Seu doce estará prontinho para o consumo.

76. Gelato: para fechar nossa lista de receitas italianas, mais uma sobremesa refrescante. Aqui, o gelato é feito com banana, açúcar, água, limão, rum e uvas-passas. A lista de ingredientes é curtinha, mas o sabor é imenso. Confira o passo a passo completo.

Fazer deliciosas receitas de comidas italianas não precisa ser uma tarefa muito difícil. O que é mais complicado é escolher qual testar primeiro, não é mesmo? E se você adora refeições temáticas, ainda pode conferir receitas de comidas mineiras, o que acha?

PARA VOCÊ