62 receitas de risoto fáceis e deliciosas que você precisa aprender

Escrito por                          

O risoto é um prato típico italiano. Seu preparo consiste em fritar cebolas e arroz na manteiga, cozinhando com um caldo de carne ou legumes, até que o arroz fique cozido al dente, solte o amido e não absorva mais o líquido. Para que fique com uma textura cremosa, é preciso mexer constantemente o arroz, para que o amido seja liberado dos grãos.

Esse é um prato muito versátil, pois pode ser preparado com diversos ingredientes, e também pode ser servido como entrada, acompanhamento ou até mesmo prato principal.

Tipos de arroz

É importante saber, que existem arrozes específicos para o preparo desse prato, são eles:

Arbório: esse é o tipo mais comum entre os brasileiros. Ele é o que tem a menor cremosidade dos três, por isso, gera um risoto firme. É o mais fácil para atingir o ponto al dente. Outra característica é que retém bem os sabores, e fica pronto mais rápido.

Carnaroli: esse é o arroz que deixa o risoto com uma maior cremosidade em relação ao anterior, e é o preferido entre os italianos. Seus grãos são um pouco menores e mais finos que os do arbóreo.

Vialone Nano: esse é o arroz que tem o grão mais curto, e é o que deixa o risoto com a maior cremosidade, porém, seu grão fica firme no interior.

Agora que você já conhece um pouco sobre esse prato, e os tipos de arroz usados para prepará-lo, confira dicas de várias receitas que podem agradar diversos paladares.

Risotos de carnes bovinas

Foto: Reprodução / Gordelícias

Foto: Reprodução / Gordelícias

1. Risoto de abóbora com carne seca: para acompanhar esses dois ingredientes que fazem uma ótima combinação, a autora escolheu usar o arroz arbóreo. Além de saboroso, essa receita de risoto fica com uma boa aparência no prato.

2. Risoto de cupim: para dar um sabor especial ao prato, esse risoto foi preparado com a água do cozimento do cupim. Como a carne é cozida na panela de pressão, e só depois é iniciado o preparo do risoto, essa receita é um pouco demorada. Rende para 4 pessoas.

3. Risoto de filé mignon e shitake: a mistura de shitake e filé migon deixam esse risoto com um sabor bem marcante. Para acompanhar, uma salada verde cai muito bem.

4. Risoto de filé mignon com arroz selvagem: para preparar essa receita, o arroz arbóreo é misturado com o arroz selvagem, que dá um toque especial à receita. É importante salientar que os arrozes devem ser cozidos separadamente, já que o selvagem tem um tempo de cozimento maior.

5. Risoto de carne com cenoura: a dica da autora para um risoto saboroso é que a base tem que ser bem feita: um bom caldo, ingredientes de qualidade e um tempero bem feito. O vinho escolhido para essa receita foi um tinto seco.

6. Risoto de carne e rúcula: para a autora dessa receita, o arroz e o queijo parmesão escolhidos fazem toda a diferença no resultado final do prato. A sugestão é usar o arroz arbóreo ou carnaroli e queijo parmesão ralado na hora.

7. Risoto de filé mignon com abobrinha e mostarda dijon: mesmo tendo carne e abobrinha como ingredientes, essa receita é preparada em apenas uma panela. O que pode ser um grande atrativo para quando não se deseja perder muito tempo na cozinha.

8. Risoto de carne moída e legumes: a carne moída é um ingrediente inusitado para preparar um risoto, mas nem por isso o prato deixa de ser saboroso. A combinação com legumes ficou harmoniosa.

9. Risoto de carne e alho-poró: quando foi preparar esse prato, a autora teve a ideia de juntar dois risotos que já tinha feito: o de carne e o de alho-poró. O resultado foi um prato com um gosto marcante e saboroso.

10. Risoto de carne à mineira: além da carne, esse risoto leva pimentões vermelhos, amarelos e abobrinha. Além de uma mistura de legumes, temos uma mistura de vinhos: branco e tinto foram usados. Como resultado temos um risoto colorido.

11. Risoto milanês com ragu de costela: esse risoto é bem cremoso e a carne fica bem suculenta. Como a carne usada é a costela, seu preparo é um pouco mais demorado, mas a autora dá duas dicas de como preparar a carne: usando panela de pressão ou panela comum.

12. Risoto de queijo brie e tiras de carne: o queijo brie combinado com tiras de filé mignon cria um prato sofisticado e saboroso. A autora ensina como fazer um caldo de legumes caseiro, que faz toda a diferença na hora de preparar o seu prato.

Risotos de carnes suínas

Foto: Reprodução / Cozinha Travessa

Foto: Reprodução / Cozinha Travessa

13. Risoto de linguiça com alho-poró: essa receita é perfeita para aquele dia que você não está disposta a preparar aquela refeição super demorada, mas não quer deixar de lado um prato saboroso. Como a linguiça usada é a de pernil suíno, a sugestão é deixar dourar bem, para que não fique com aspecto de crua.

14. Risoto de calabresa e tomatinho: com fotos ilustrando todo o passo a passo, Faby deixa bem claro como preparar essa simples receita de risoto. Para quem gosta do sabor marcante da calabresa, essa opção é uma boa pedida. A dica mais importante é preparar um bom caldo, com o sabor de sua preferência.

15. Risoto de açafrão e calabresa: essa mistura de ingredientes gera um sabor muito interessante, além de saborosa, essa receita traz vários benefícios ao nosso corpo, graças ao açafrão. Ele tem propriedades anti-flamatórias, reduz o risco de doenças no coração, enter outros benefícios.

16. Risoto com crispies de presunto cru: além de crispies de presunto cru, essa receita também leva ervilhas e queijo de cabra. O risoto fica bem colorido.

17. Risoto de gorgonzola com bacon e tomate uva: essa é uma receita para quem gosta de sabores intensos. O gorgonzola é um queijo com gosto bem marcante, o vinho é substituído por uíque e ainda temos bacon e tomates para completar o prato.

18. Risoto de costelinha: para preparar essa receita, a costelinha deve ser feita em uma pena de pressão, antes de ser misturada ao arroz.

19. Risoto de bacon: uma dica que a autora dá para essa receita se tornar um pouco mais saudável, é fritar o bacon no micro-ondas. Outra sugestão é servir esse prato com uma costelinha suína assada.

20. Risoto de aspargos com bacon: a combinação de aspargos com bacon fica muito saborosa, e em um risoto não podia ser diferente. A dica dessa reeita é quebrar as pontas de baixo do lado e usar no caldo.

21. Risoto de jamón serrano e queijo holandês: jamón serrano é um presunto curado, que é muito comum na Espanha. Essa receita é bem simples e prática de ser feita, já que o jamón não precisa de nenhum preparo especial.

22. Risoto de funghi e bacon: essa é uma receita que foge do tradicional. A autora usou o arroz comum e uma quantidade bem pequena de manteiga. Mesmo fugindo da forma tradicional de se preparar o prato, a autora garante que o resultado foi um prato muito saboroso.

23. Risoto de jamón e ervilhas: quando foi preparar esse prato, a autora teve a ideia de dar um toque especial ao prato italiano. Como ervilhas com jamón são comuns na Espanha, ela resolveu acrescentar esses ingredientes ao risoto.

24. Risoto de linguiça toscana: essa é uma receita que tem um sabor bem suave. A dica da autora é deixar a linguiça ferver antes, mas tome cuidado para que ela não estoure.

Risotos de aves

Foto: Reprodução / Não sei cozinhar

Foto: Reprodução / Não sei cozinhar

25. Risoto de frango e açafrão: a dica que a autora dá para essa receita, é que caso você não tenha um arroz próprio para risoto, que você use um já feito e acrescente requeijão para que fique cremoso. O vinho é substituído por suco de maracujá.

26. Risoto de frango, ervilhas e queijo brie: o queijo brie ajuda a criar uma textura suave e cremosa ao risoto. Para o caldo, use pedaços de uma carcaça de frango, o que com certeza dará um toque especial ao prato.

27. Risoto de frango com queijo coalho: as dicas que a autora dá para ter um bom risoto são: a escolha do arroz e ter paciência no preparo, pois é um prato que cozinha lentamente. O queijo colho dá um aspecto ainda mais cremoso ao risoto.

28. Risoto de frango com legumes: os legumes usados para preparar esse risoto são: cenoura, abobrinha, pimentão vermelho e ervilhas frescas. Do frango, o peito foi cortado em cubos.

29. Risoto de frango com pimentão amarelo: essa receita de risoto é um pouco demorada, já que o peito de frango deve ser cozido em uma panela de pressão e desfiado. O pimentão amarelo além de deixar o prato mais colorido, dá um sabor especial.

30. Risoto prático de frango: como o peito de frango é uma opção de carne magra, por isso muitas vezes é usado em pratos saudáveis, como esse. O arroz para risoto é substituído por arroz integral. Abobrinha e brócolis também estão presentes nesse risoto. Para que a cremosidade não fique de lado, basta adicionar um pouco de cream cheese.

31. Risoto de frango com espinafre: se você busca uma receita leve e saborosa, essa é uma ótima opção para testar. A autora sugere deixar o frango marinando no tempero por 4h, então se for seguir a receita exatamente, é importante se planejar com antecedência.

32. Risoto de frango com vinho tinto: quer um risoto experimentar um risoto diferente? Como essa receita é feita com vinho tinto, tanto o sabor quanto a cor do prato ficam diferentes do que os feitos com vinho branco. O sabor fica um pouco mais forte, mas vale a pena experimentar.

33. Risoto de chester, uvas passas e castanha de caju: esse prato tem bastante cara de comida natalina, mas pode ser servido em qualquer época do ano.

34. Risoto de cevadinha com peito de peru: a cevadinha, ou cevada em grãos, é usada para substituir o arroz. Esse cereal é muito nutritivo, pois é fonte de proteínas, rico em fibras e rico em cálcio. Essa é uma ótima opção para quem procura um risoto saudável.

35. Risoto de peito de peru e cranberry: para quem gosta de pratos agridoces, essa receita pode ser muito saborosa. O cranberry tem um sabor azedinho e adocicado, e misturado ao peito de peru, cria um sabor agridoce muito interessante.

36. Risoto de peito de peru: essa é uma receita de risoto que foge bastante do convencional, tanto pelos ingredientes, quanto pelo modo de preparo. Ela é feita com arroz integral, queijo cottage, ovos, tomate cereja e peito de peru e fica pronta em poucos minutos.

Risoto com peixes e frutos do mar

Foto: Reprodução / Cozinha Travessa

Foto: Reprodução / Cozinha Travessa

37. Risoto de salmão defumado com gengibre e alcaparras: a combinação de ingredientes usados no preparo desse prato o tornam marcante. Salmão com alcaparras é uma mistura que combina muito bem, e ainda temos o gengibre e cachaça, ao invés de vinho, para finalizar a combinação de sabores dessa receita.

38. Risoto de camarão com alho-poró: com apenas uma panela é possível preparar esse saboroso risoto. Uma dica importante da autora, é que o caldo feito em casa deixa o risoto muito mais gostoso, do que se fosse feito com um caldo pronto.

39. Risoto de camarão, gengibre e laranja: esse risoto tem um sabor agridoce, devido ao uso da laranja. O camarão com o gengibre juntos, criam um sabor surpreendente, já com o toque final de laranja, deia o prato com um sabor único.

40. Risoto de limão siciliano com salmão grelhado: esse risoto é super simples de ser preparado e o sabor azedo do limão combina muito bem com a cremosidade que esse prato tem depois de pronto. O salmão grelhado é usado como acompanhamento.

41. Risoto de frutos do mar: a principal dica da autora para que esse prato fique saboroso, é abusar do tempero com açafrão, que combina super bem com frutos do mar.

42. Risoto de bacalhau com abobrinha: esse prato mistura a cremosidade do risoto, com o sabor marcante do bacalhau e a leveza da abobrinha. O resultado é um prato saboroso e prático.

43. Risoto de camarão com palmito: a mistura de camarão com palmito é muito interessante, pois um ingrediente não ofusca o outro. O resultado é um prato equilibrado. Para o toque final, a autora utiliza azeite, salsa fresca e pimenta caiena.

44. Risoto de lula, camarão e abobrinha: lula e camarão fazem uma boa combinação juntos. A lula tem um sabor suave, já o camarão tem um sabor um pouco mais marcante. Segundo a autora, a ideia de acrescentar abobrinha surgiu no final da receita, mas o resultado agradou.

45. Risoto de frutos do mar com salmão defumado: os frutos do mar utilizados no preparo desse prato são: lula e camarão. Além do sabor, a montagem desse prato chama bastante a atenção. Um montinho risoto é envolto por duas lâminas de carpaccio, e ainda é decorado com cebolinha.

46. Risoto de camarão ao leite de coco: para dar uma cor e um sabor especial à receita tomates e pimentões vermelhos são usados no preparo dessa receita, que fica leve e saboroso.

47. Risoto de bacalhau: esse é um risoto que mescla vários sabores diferentes, como: blue cheese, queijo grana, bacalhau, tomate cereja e alguns temperos. O resultado é um prato com sabor bem marcante.

48. Risoto de robalo: para o caldo desse risoto, a autora colocou a cabeça do peixe com água, vinho e temperos em uma panela. Filés de robalo picadinhos também fazem parte do prato.

Risotos vegetarianos

Foto: Reprodução / Cinco Quarto de Laranja

Foto: Reprodução / Cinco Quarto de Laranja

49. Risoto de ervilhas com queijo chèver: para que um prato seja saboroso, não é necessário que seja complicado. E essa é uma receita que prova isso. Com poucos ingredientes e um preparo simples, esse prato conquista pela simplicidade.

50. Risoto de queijo grana: o queijo grana é um queijo duro, similiar ao queijo parmesão. Caso você não queira usar esse queijo, pode substituí-o tranquilamente por outro queijo duro. Porém, é importante salientar que a qualidade do seu risoto, depende da qualidade do queijo escolhido.

51. Risoto de tomate com abobrinha: essa é uma receita que tem um sabor super suave e fica com uma cremosidade incrível. A mistura de tomate com abobrinha pode surpreender seu paladar.

52. Risoto de funghi: essa é uma receita bem clássica de risoto, que tem um gosto marcante e muito saboroso. Além de ser um prato muito gostoso, é muito simples de se preparar. Vale a pena experimentar.

53. Risoto de aspargos, brie e tomate cereja: esse risoto fica com uma textura muito cremosa, graças ao brie. Os aspargos e os tomates cereja deixam o prato com cores atraentes aos olhos.

54. Risoto integral de abobrinha e limão siciliano: para quem procura pratos mais saudáveis, é importante substituir alguns ingredientes. Nesse caso, o arroz para risoto foi substituído pelo integral, e o queijo parmesão e a manteiga foram deixados de lado, dando espaço ao cream cheese light

55. Risoto de abóbora com gorgonzola: esse é um risoto para quem gosta de sabores mais marcantes, devido o uso do queijo gorgonzola. A abóbora deixa o prato bem laranjado. Além de ter uma cor muito atraente, o sabor fica incrível.

56. Risoto de tomate e muçarela: com ingredientes básicos, esse é um risoto que mostra que simplicidade pode ser sinônimo de um prato atraente e saboroso. Outro ingrediente que dá um sabor especial à receita é o alho-poró.

57. Risoto de cogumelos com mascarpone: o mascarpone é um queijo muito cremoso, e é uma ótima opção para ser usado em risotos. Os cogumelos usados nessa receita são: shimeji, shitake e paris.

58. Risoto de shimeji: o shimeji é uma ótima opção de ingerdiente para se usar no preparo de um risoto. Com apenas alguns minutos, você consegue deixá-lo pronto e preparar seu prato.

59. Risoto de brócolis e parmesão: essa é outra receita de risoto que não leva manteiga, o que o deixa com uma textura bem mais leve, porém um pouco menos cremoso.

60. Risoto de shitake e gorgonzola: esse risoto tem um sabor muito intenso devido aos ingredientes utilizados. O shitake e o gorgonzola possuem sabores marcantes e o vinho branco é substituído pelo tinto.

61. Risoto de quinoa com abóbora e brócolis: essa é uma receita bem leve, já que não leva manteiga, nem vinho, arroz é substituído por quinoa em grãos e o queijo usado é o de minas fresco. Ótima opção para quem quer saborear um risoto mais saudável.

62. Risoto de pera com pistache: com ingredientes suaves, esse risoto encanta tanto pela aparência, como pelo paladar.

A diversidade de ingredientes que podem ser usados no preparo de um risoto é enorme. Escolha a que mais te agrada e prepare um prato delicioso.

PARA VOCÊ